MENSAGEM DO PCA
A APIEX-Angola, enquanto Agência para a Promoção de Investimentos e Exportações tem como vocação principal servir o empresariado nacional com vista a encontrar parcerias e aproveitar os nichos de mercado que existem nas regiões Austral e Central do continente africano, mas sem perder de vista outras regiões que, apesar de estarem noutras dinâmicas de integração económica regional, pertencem ao futuro mercado comum africano.No actual sistema internacional onde a economia é cada vez mais global e globalizada não se pode pensar em exportações sem ter os olhos fitos nos mercados da Asia, com especial destaque para a China e a India, da América Latina, tendo o Brasil e a Argentina como principais pivots, da União Europeia de forma geral e dos EUA.O artigo 4º (Objecto) do Estatuto Orgânico da APIEX dispõe o seguinte:

  1. A promoção e captação de projectos de investimento de origem nacional ou estrangeira, que pelo seu mérito ou pelos efeitos que produzam na cadeia de valor, possam contribuir para o desenvolvimento do País;
  2. A promoção e divulgação no exterior, ou que neste se reflicta, das potencialidades e das actividades económicas desenvolvidas em Angola;
  3. O apoio a projectos de internacionalização de empresas angolanas;
  4. A promoção da imagem das marcas e produtos angolanos no exterior de modo global e com impacte nas vertentes de promoção, exportação, internacionalização e captação de investimento e;
  5. A facilitação da introdução de produtos e serviços angolanos no circuito comercial externo.

No artigo 5º (Atribuições) do referido Estatuto pode-se ler o seguinte:

  1. Contribuir para a competitividade das empresas angolanas através da sua internacionalização, da promoção e do aumento das exportações e do investimento directo estrangeiro no País;
  2. Apoiar, participar e estimular o desenvolvimento de acções de cooperação externa no domínio do sector empresarial;
  3. Divulgar e promover no exterior as competências, produtos e serviços das empresas angolanas;
  4. Colaborar, em articulação estratégica com o departamento ministerial responsável pelas Relações Exteriores, no desenvolvimento da cooperação económica externa;
  5. Recolher e difundir informações macroeconómicas e dos mercados e;
  6. Prestar informações aos investidores e exportadores nos domínios da planificação, do marketing, do desenvolvimento, adaptação, qualidade, designer da embalagem dos produtos.

Nestes termos a APIEX-Angola está estatutariamente provida de condições para facilitar o processo de exportações e captação de investimentos para Angola. Na actual conjuntura nacional e tendo em conta as atribuições que lhe são cabimentadas, APIEX está focada nos objectivos das linhas mestras da estratégia para a saída da crise derivada da queda do preço do petróleo no mercado internacional, sublinhando os sectores prioritários de exportação a curto/médio prazo, nomeadamente, as rochas ornamentais, café, mel, cimento e outros materiais de construção, produtos da pesca, madeiras, minério de ferro, bebidas alcoólicas e não alcoólicas, leguminosas e oleaginosas, hortícolas e tubérculos, sal iodado, transportes, turismo e telecomunicações.

O País tem as premissas necessárias com as infraestruturas para oferecer um bom ambiente de negócios e condições para instalação de unidades produtoras que possam manufacturar diversas mercadorias. A natureza foi bastante benévola para Angola e os angolanos, mas é necessário que os operadores económicos nacionais e potenciais investidores estrangeiros, transformem a matéria-prima em produtos acabados e artigos que respeitam as normas internacionais de qualidade, as medidas sanitárias e fitossanitárias e com a competitividade necessária.

A APIEX-Angola coloca a disposição do empresariado nacional e estrangeiros uma vasta gama de serviços personalizados à partir do área do “One Stop Service” que é primeiro contacto onde o empresário encontrará as informações necessárias para iniciar a sua actividade. A comunidade empresarial tem as portas abertas para que aproveitem as oportunidades de negocio existente em Angola.

Sejam todos muito bem-vindos e desejamos BOA SORTE nos negócios.

Belarmino Van-Dúnem